Conceitos Básicos

A matemática financeira é uma ferramenta útil para analisar algumas alternativas de investimentos, bem como financiamento de bens de consumo.

Basicamente, utilizamos a matemática financeira para empregar procedimentos matemáticos que visam simplificar operações e análises financeiras.

 

Capital

É o valor aplicado através de alguma operação financeira.

O capital também é conhecido como: Principal, Valor Aplicado, Valor Atual e Valor Presente.

No idioma Inglês é utilizado como Present Value, representado por PV nas calculadoras financeiras

 

Juros

Representam a remuneração do Capital aplicado numa atividade produtiva e podem ser capitalizados através de dois regimes: simples e compostos.

Juros Simples: O juro de cada intervalo de tempo será calculado sobre o capital inicial emprestado ou aplicado.

Juros Compostos: O juro de cada intervalo de tempo será calculado a partir do saldo no início do intervalo correspondente. O juro de cada intervalo de tempo é incorporado junto ao capital inicial e passa a render juros também.

O juro pode ser compreendido como uma espécie de “aluguel sobre o dinheiro”. A taxa de juros seria uma forma de compensar o credor (quem empresta) paga pelo tomador do empréstimo para ter o direito de utilizar o dinheiro até o dia do pagamento.

Por outro lado o credor recebe a compensação por não poder utilizar o dinheiro que fora emprestado até o dia do pagamento e por risco de inadimplência (risco de não receber o dinheiro de volta).

 

Quando usar juros simples e compostos

A maior parte das operações que envolvem dinheiro utiliza juros compostos, a saber: compras com cartão de crédito, compras a médio e longo prazo, empréstimos bancários, aplicações financeiras como caderneta de poupança, fundos de renda fixa, etc.

É muito raro encontrar operações que utilizam o regime de juros simples, as mais comuns são: operações de curtíssimo prazo, processo de desconto simples e duplicatas.

 

Taxa de juros

As taxas de juros indicam a remuneração que será paga por um determinado período sobre o dinheiro emprestado. Geralmente é expressa de forma percentual, seguida da especificação do período de tempo a que se refere, por exemplo:

8% a.a. – significa 8% ao ano.

10% a.t. – significa 10% ao trimestre.

Uma outra forma de expressar a taxa de juros é a unitária, que é igual a taxa percentual dividida por 100 (cem), sem o símbolo de porcentagem ( % ), por exemplo:

0,15 a.m. – a.m. significa ao mês.

0,10 a.q. – a.q. significa ao quadrimestre.